blog da Jac


Anistia para erros passados

01/03/2012 22:28

Diante de nossas escolhas, muitas vezes escolhemos errado, deixamos para depois ou simplesmente desistimos de realizar os nossos desejos," as omissões, a resignação e a subserviência. Inseguranças, incertezas, casamentos infantis, decisões graves tomadas sem refletir, primeiras responsabilidades sérias quando ainda se era imaturo." O tempo passa e fica um vazio na nossa história e nos perguntamos:" E se eu tivesse...se ele tivesse..." Fui buscar no livro de Lya Luft , Perdas &Ganhos, uma saída, uma explicação ou simplesmente uma resposta para este vazio.

" Posso contornar  esse fosso fingindo que não há problema; deitar-me à sua beira, chorando; enterrar-me dentro dele com minhas qualidades e esperanças; disfarçá-lo com folhas, ramos, tábuas, fingindo que nada aconteceu. tentar preencher esse saldo negativo com alguma coisa positiva, que em cada caso será peculiar. Indagar: por que naquele momento agi daquele modo? Foi por ignorância, covardia, impulso de autodestruição? 

Na relativa lucidez da maturidade veremos que a maior parte desses "buracos" se tornam menos funestos quando se constata: " naquele momento, naquela circunstância, eu fiz o melhor que podia." Quase sempre havia um motivo: os filhos pequenos, problemas com o companheiro, real dificuldade em se afastar concretamente da casa ou da cidade, a pressão social ou familiar, havia... nem sempre coisas negativas. Apenas realidades com as quais se tentou lidar como se podia àquela altura.

Aos poucos enfrentavam-se velhos problemas com mais lucidez: naquela ocasião eu fiz o melhor que podia, embora hoje, na maturidade, veja que podia ter agido diferente. Naquela fase, imatura ainda, eu não podia, meus pais não entendiam, meu marido não sabia.

Amadurecer serve para isto: o novo olhar, na lucidez de certo distanciamento, permite compreender aspectos nossos e alheios antes obscuros. Por vezes promove-se uma espécie de anistia. Partindo dela podem-se reconfigurar padrões."

Nós podemos fazer essa anistia e fazer nossa história diferente, já olhei tanto para trás e vi tantos erros cometidos, mas ao invés de me lamentar ou dizer que não tinha mais jeito, pois já tinham passado muitos anos, eu percebi que fiz o melhor que podia naquela época e segui em frente, com cicatrizes pelo corpo e na alma, mas segui. E você?

 

Trecho extraído do livro Perdas & Ganhos de Lya Luft

Texto: By Jacqueline

—————

Voltar



Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Centenas de templates
  • Todo em português

Este site foi criado com Webnode. Crie um grátis para você também!